terça-feira, 19 de setembro de 2017

Escola do Legislativo e ADL realizam 1º Varal Literário da Câmara

Com o objetivo de promover a cultura, a literatura e a arte, a Escola do Legislativo e a Academia Divinopolitana de Letras realizam, em outubro e novembro, o 1º Varal Literário da Câmara Municipal de Divinópolis. A participação é aberta tanto para servidores do Legislativo quanto para a população em geral e serão aceitos poemas e crônicas.

Para participar, o interessado deve digitar sua poesia ou crônica utilizando fonte Arial 12 e espaçamento um e meio, em papel A4, sendo que o texto deverá ser digitado em apenas um lado do papel. São permitidas obras de até três páginas e os textos deverão conter título, o nome do participante, endereço para contato e, no caso dos servidores da Câmara, o cargo ou função exercida no Legislativo. Essas informações devem estar no alto da primeira página.

Os textos podem ser enviados via Correios ou entregues diretamente na Escola do Legislativo. O interessado em entregar seu texto pessoalmente, deverá fazê-lo de 25 de setembro a 20 de outubro, no horário de 12 às 18 horas, de segunda a sexta, na sede da Escola do Legislativo (Câmara Municipal - Rua São Paulo, 277, Centro). Já quem deseja enviar seu material via Correios, deverá postá-lo do dia 25 de setembro ao dia 13 de outubro, endereçado para:

Escola do Legislativo (Varal Literário)
Rua São Paulo, 277, Centro
Divinópolis / MG
CEP: 35500-006

Para sigilo e imparcialidade, os textos deverão ser entregues ou enviados em envelope lacrado contendo 4 vias: uma para exposição e 3 para a comissão julgadora. O participante pode, ainda, concorrer com mais de um poema ou crônica, sendo o limite de até 3 textos diferentes por participante. Nesse caso, cada texto deverá ser enviado separadamente.
https://drive.google.com/open?id=0Bz_8dCCvt2OxTGtBcGNjWW5adDA

Serão premiados os três primeiros colocados de cada categoria tanto entre servidores do Legislativo quanto entre participantes da comunidade. Para saber mais, confira o regulamento clicando no botão ao lado.


Texto: Samuel Marques | Imagem: Internet

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Divinópolis terá representante no Parlamento Jovem Brasileiro

Uma das 8 cadeiras destinadas aos estudantes mineiros no Parlamento Jovem Brasileiro será ocupada por um jovem divinopolitano em 2017. Miguel Borges Silva Pereira, aluno da Escola Estadual Joaquim Nabuco, desenvolveu projeto com o apoio da Escola do Legislativo da Câmara de Divinópolis e debaterá sua ideia no Congresso Nacional entre os dias 25 e 29 de setembro.

Tendo em vista que a população brasileira participa muito pouco da política de forma direta, o jovem levará a debate uma Proposta de Emenda à Constituição Federal que amplia e dinamiza a participação popular na elaboração de leis. A proposta modifica os artigos 60 e 61 do texto constitucional para que leis de iniciativa popular possam entrar em tramitação se forem assinadas por 0,15% do eleitorado de cada uma das cinco regiões do Brasil. Atualmente, tal tipo de proposição só é aceita se assinada por 1% do eleitorado brasileiro distribuído em pelo menos cinco estados.

Segundo Miguel, da forma como o texto atual está, torna-se muito fácil que apenas uma das regiões do país crie uma norma que valerá para todo o território nacional, já que, atualmente, com a união dos 4 estados da região sudeste somados a mais um estado, por exemplo, já poderia ser protocolado um projeto na Câmara Federal. A ideia é que haja participação de todas as regiões do país.

Além disso, a PEC apresentada dá à população o poder de propor emendas à Constituição, o que atualmente não é permitido. Seguindo a mesma ideia de regionalização, a proposta de Miguel é que para que uma PEC de iniciativa popular entre em tramitação, ela deva ser ratificada por 1% do eleitorado de cada uma das regiões do país.

Cidadania

Após participar pelo terceiro ano consecutivo do Parlamento Jovem de Minas, projeto realizado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais em parceria com a PUC Minas e a Câmara de Divinópolis, o jovem que representará o município em Brasília afirma ter descoberto a importância de ser mais participativo na política do país, já que isso é ser cidadão.

Sobre a elaboração de seu projeto, Miguel afirma: "Desde o surgimento da ideia até a redação final da proposta, tudo deu certo porque recebi apoio e orientação do pessoal da Escola do Legislativo. Sem as orientações para a criação de uma lei seguindo os passos corretos, com certeza teria sido muito mais difícil".

Parlamento Jovem Brasileiro

O Parlamento Jovem Brasileiro leva alunos de ensino médio a vivenciarem o processo democrático, participando de uma jornada parlamentar na Câmara dos Deputados. Durante uma semana de jornada, os estudantes tomam posse e atuam como deputados jovens.

Ao todo são 78 alunos empossados como deputados jovens e eles participam de atividades que os levam a desenvolver a argumentação, o respeito à diversidade de opiniões e um olhar crítico para seu cotidiano e para a política nacional.

Texto: Samuel Marques | Imagem: Divulgação

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Estudantes do Parlamento Jovem participam de programa da TV Assembleia

Os estudantes Miguel Borges, Sophya Vilela e Sofia Vitória participaram do programa Geração, da TV Assembleia, que foi ao ar no último sábado pela emissora da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. O programa Geração é voltado para o público jovem e teve uma edição especial dedicada ao Parlamento Jovem de Minas.

O tema do programa geração foi a educação política nas escolas e, além dos estudantes divinopolitanos, estiveram presentes jovens de Viçosa (Zona da Mata) e de Ouro Preto (Região Central do Estado). Durante o programa foram exibidos, ainda, depoimentos de jovens de vários outros municípios participantes do PJ pelo estado, dentre eles, estudantes de Pains, no Centro-Oeste. Em comum entre todos eles há o desejo de construir uma política diferente para o estado de Minas Gerais.

O bate-papo com a apresentadora Fernanda Moura também contou com a participação do Coordenador do Polo Centro-Oeste do Parlamento Jovem, Samuel Marques, que também é Coordenador Pedagógico da Escola do Legislativo Dr. Deusdedith Afonso Carrilho, da Câmara Municipal de Divinópolis. Participou do debate, também, o cientista social Frederico Santana Rick, que integra o NESP – Núcleo de Estudos Sócio Políticos da PUC Minas e é coordenador da Frente Brasil Popular.

Durante o programa, os jovens contaram como o Parlamento Jovem mudou suas vidas e criou uma nova imagem sobre a política, trazendo-lhes uma postura mais cidadã em seus municípios. Foi consenso que é importante que o jovem tenha protagonismo político, ainda mais em uma época em que conflitos ideológicos vêm ganhando espaço na mídia do país. Assim, a educação política ganha cada vez mais relevância.

O programa mostrou, também, um pouco da repercussão do Parlamento Jovem nas mídias sociais e de como os estudantes aprenderam até mesmo a criar vídeos e fotos para fanpage do PJ. Essa divulgação ampliou o acesso às ações do projeto e despertou o interesse de novos municípios em participarem do Parlamento Jovem.

Confira abaixo o programa Geração especial sobre o Parlamento Jovem:


A edição de 2017 do PJ se encerra no dia 22 de setembro, com a realização da Plenária Final do Parlamento, que ocorrerá na Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Dois estudantes representarão Divinópolis na Etapa Estadual, são eles: Letícia Layla e Miguel Borges, da Escola Estadual Joaquim Nabuco.

Texto: Samuel Marques | Foto: Michelle Dias Sant Anna (C. M. Viçosa) | Vídeos: TV Assembleia (ALMG)

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Câmara visita Escola Estadual Antônio Gonçalves de Matos

Os vereadores Cleitinho Azevedo, Janete Aparecida, Nêgo do Buriti e Zé Luiz da Farmácia estiveram na manhã desta terça-feira (5) em uma visita à Escola Estadual Antônio Gonçalves de Matos, no bairro Nossa Senhora das Graças. Os adolescentes do 7º ano receberam uma palestra sobre política e conversaram com os vereadores. A atividade foi mais uma ação do Programa Cidadania e Democracia nas Escolas, que leva conhecimentos políticos aos estudantes divinopolitanos.

O encontro dividiu-se em três momentos. No primeiro deles, os adolescentes receberam uma palestra sobre política e cidadania. De forma descontraída, puderam quebrar diversos preconceitos que são gerados sobre o tema e entenderam que, assim como em qualquer área das suas vidas, na política também há pessoas de boa e má índole. É preciso saber diferenciar umas das outras avaliando as ações de cada uma.

Os jovens aprenderam, também, que é importante conhecer e participar da política ao invés de apenas criticar. Uma das ideias reforçadas foi de que o cidadão pode e deve cobrar ações dos seus representantes, mas deve também avaliar antes de votar e, acima de tudo, saber quais ações podem e quais não podem ser realizadas pelos vereadores.

No segundo momento, os vereadores se apresentaram e conversaram com os estudantes sobre vários assuntos. A importância de valorizar os símbolos oficiais do município, autoestima e relacionamento interpessoal, a presença feminina na política e o cuidado com o espaço escolar foram alguns dos temas abordados. Além disso, todos elogiaram bastante a limpeza e a organização da escola, fruto de um bom trabalho da equipe que cuida do espaço, mas também da boa educação dos alunos.

Por fim, os vereadores responderam perguntas dos estudantes. Um dos questionamentos que chamou atenção foi acerca do processo de perda de mandato de um parlamentar que comete algum tipo de crime, questão que demonstra a grande maturidade dos jovens da escola no que se refere às questões políticas atuais do país.

Os vereadores ainda estiveram abertos a conhecerem os principais problemas da comunidade ao redor da escola. Sobre isso, os principais apontamentos giraram em torno da violência e da falta de sinalização de trânsito, o que deixa estudantes e pais bastante inseguros. Os parlamentares se comprometeram a buscar soluções para os problemas, com o intuito de proporcionar melhor qualidade de vida para a região.

Cidadania e Democracia nas Escolas

O Programa Cidadania e Democracia nas Escolas é realizado pela Escola do Legislativo Dr. Deusdedith Afonso Carrilho e tem o intuito de levar conhecimentos políticos para as escolas de Divinópolis, incentivando os estudantes a serem cidadãos participativos. Para receber as atividades do programa na sua escola, entre em contato conosco.

Texto e fotos: Samuel Marques

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Divinópolis recebe Plenária Regional do Parlamento Jovem

No último dia 16, o Plenário da Câmara Municipal de Divinópolis recebeu a Etapa Regional do Parlamento Jovem de Minas, na qual estudantes dos municípios de Nova Serrana, Pará de Minas e Pains, juntamente com jovens divinopolitanos, debateram propostas sobre o tema Educação política nas escolas.

As atividades duraram uma tarde e foram divididas em dois momentos. No primeiro deles, chamado de "Grupos de Trabalho", os estudantes se dividiram em três grupos, cada um deles referente a um dos subtemas trabalhados na edição 2017 do projeto: Educação política e currículo; interações entre escola e sociedade na formação política dos jovens; e educação política para uma gestão democrática e participativa nas escolas.

Já no segundo momento, os jovens ocuparam as mesas dos vereadores da Câmara Municipal de Divinópolis e debateram todas as propostas aprovadas na etapa dos grupos de trabalho. Ao final do dia, foram aprovadas as seis melhores ideias da região Centro-Oeste que, juntamente com as ideias de outros 11 polos regionais espalhados pelo estado, comporão o documento-base da Etapa Estadual, que se realizará em setembro na Assembleia de Minas, em Belo Horizonte.

O objetivo do tema de 2017 do Parlamento Jovem é que os estudantes interfiram na própria realidade vivenciada por eles na escola. Tendo em vista que muitas vezes não há espaço para que se discuta política no ambiente escolar e que, quando há discussões, elas tendem a ter peso partidário, os jovens tiveram a oportunidade de mudar essa realidade, com iniciativas que levem a política para o ambiente escolar. Outro objetivo importante é que o adolescente passe a fazer parte das decisões importantes de sua escola, ampliando a democracia no espaço de ensino.
Para que essas metas fossem atingidas, destacaram-se ideias como incluir no calendário escolar a realização de seminários, cursos, oficinas, atividades recreativas e eventos sociais; desenvolver de uma plataforma de estudos sobre política disponibilizada gratuitamente ao público; e criar um congresso apartidário, dentro do âmbito escolar, com objetivo de se pensar soluções para demandas de interesse coletivo. O documento com todas as propostas aprovadas pode ser consultado clicando aqui.

Além disso, foi elaborada pelo polo uma sugestão de tema para edição 2018 do Parlamento Jovem. As opções foram "o jovem no mercado de trabalho", indicado por Divinópolis; "igualdade de gêneros", indicado por Pains; "incentivo à arte e à cultura", indicação de Nova Serrana; e "etnocentrismo: um problema social", sugestão apontada por Pará de Minas. Após votação, o tema escolhido como sugestão do polo foi "igualdade de gêneros", com os subtemas: igualdade no mercado de trabalho, participação feminina na política e ações de inclusão da população transsexual.

Abertura

A abertura da atividade foi realizada pelo Presidente da Câmara Municipal de Divinópolis, Vereador Adair Otaviano, que discursou sobre a importância da inserção do jovem na política. Segundo Otaviano, desperta alegria ver espaços cada vez mais abertos para que o jovem seja politicamente ativo, tendo em vista que o Brasil viveu épocas em que os jovens, ainda que fossem extremamente idealistas, eram impedidos de opinar politicamente.

Além do Presidente da Câmara, compuseram a mesa de abertura, também, a Primeira Secretária do Legislativo e Presidente da Comissão de Educação, Vereadora Janete Aparecida, que presidiu a abertura; o Vice-Presidente da Câmara, Vereador Josafá; o Segundo Secretário da Câmara e Secretário da Comissão de Educação, Vereador Raimundo Nonato; e o Presidente da Comissão de Participação Popular, Vereador Roger Viegas. Também acompanharam a atividade os Vereadores Cleitinho Azevedo e Edson Souza.

Parlamento Jovem

O Parlamento Jovem de Minas é um projeto da Assembleia Legislativa de Minas Gerais em Parceria com a PUC Minas e as Câmaras Municipais do interior. Em 2017, as atividades ocorrem em 64 municípios do estado, divididos em 12 polos regionais.

O projeto se encerra em setembro, com a realização da Plenária Estadual na Assembleia de Minas. Na ocasião, as melhores propostas entre aquelas aprovadas por estudantes do estado todo serão entregues à Comissão de Participação Popular da ALMG e tramitarão na Casa, podendo se tornar leis, emendas, resoluções, indicações e outros instrumentos normativos.

Texto: Samuel Marques | Fotos: Jeann Teixeira